Descomplicado a radioterapia

Pesquisa revela que mais da metade dos pacientes oncológicos reclama de saúde mental na pandemia
Câncer

Pesquisa revela que mais da metade dos pacientes oncológicos reclama de saúde mental na pandemia

Levantamento recente realizado pelo Instituto Oncoguia aponta que 10% dos entrevistados não sabem o que fazer diante do sofrimento emocional. Além disso, a pesquisa revelou que a maioria das pessoas em tratamento contra o câncer no Brasil também não sabe o que fazer em relação à oscilação de humor.

O estudo foi dividido em duas etapas: a primeira, com 562 pacientes, entre abril e maio deste ano, e a segunda, com 439 respostas, em julho. Todas as entrevistas foram realizadas por formulário online.

Na primeira fase, 53% dos participantes declararam que uma das áreas mais impactadas pela pandemia foi a emocional. Em julho, essa porcentagem subiu para 58%. Os sentimentos mais presentes na vida destas pessoas foram o medo e a ansiedade. 

Nas duas fases da pesquisa realizada pelo Instituto Oncoguia, a espiritualidade apareceu como a principal forma de auto cuidado, mencionada por 52% dos entrevistados na primeira etapa e 57% na segunda. Em seguida vem a prática de atividades físicas, meditação e relaxamento, grupos de apoio, cursos online e conversas temáticas.

Na primeira etapa do levantamento do instituto, realizada entre abril e maio, 41% dos participantes declararam que a pandemia do coronavírus havia impactado diretamente em seus tratamentos oncológicos. Na nova rodada, realizada em julho, este número caiu para 31%, mostrando que, aos poucos, a rotina começa a ser retomada. Ou seja, o paciente continua com medo, mas já entendeu que seu tratamento não pode ser interrompido.

Foto: engin akyurt (Unsplash)

Escrito por Radioterapia Legal - 16/09/2020 - 168 Views

Sem comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *